o sonho

o sonho comanda a vida

mas nesta vida por dentro vivida

é verdade por demais omitida

que alma que sente é alma sentida

abrem-se-nos por vezes caminhos

que não foram feitos para caminhar

constroem-se-nos ninhos

onde não nos podemos aninhar

o sonho comanda a vida

mas por vezes é indevida

a tentativa atrevida

de deveras sonhar

de erguer no céu castelos para morar

de acordado fazer o que no sonho parece real

de crescer asas e voar do lamaçal

abençoados os que têm um coração que não sente

uma alma que não quer ver

porque mais vale um coração doente

do que um sonho, por dentro, a morrer

Published in: on 27/10/2011 at 0:11  Deixe um Comentário